Storytelling: como pequenas marcas podem construir grandes histórias

Storytelling: como pequenas marcas podem construir grandes histórias

Storytelling: como pequenas marcas podem construir grandes histórias

Pequenas marcas costumam ter grandes histórias para contar. Mas como cativar uma audiência que esteja ansiosa para ouvir essas histórias? A resposta para essa pergunta está na técnica conhecida como storytelling.

E o que é storytelling?

Storytelling é uma técnica usada no cinema e adaptada ao marketing e publicidade para estreitar o relacionamento entre marcas e consumidores. Consiste em usar recursos audiovisuais e escritos para compartilhar valores, ideias e iniciativas através de uma história, ou em outras palavras, de uma narrativa que convença e envolva as pessoas. Dessa forma, a sua marca e/ou negócio é promovido através da persuasão e não da invasão.

 

Na batalha das grandes marcas VS grandes histórias, quem é que ganha?

Hoje, são as marcas pequenas que movimentam os setores que mais são valorizados pelos jovens: viagem, varejo e comida. Vemos cada vez mais a valorização de conceitos como personalização: quanto mais personalizado e único é um serviço prestado ou um produto consumido, melhor. Estamos na era da valorização dos pequenos produtores, dos produtos orgânicos, dos pequenos negócios. Exclusividade e individualidade valem mais para as atuais gerações do que uma logomarca conhecida mundialmente. A geração de hoje quer fazer parte de uma comunidade e não se sentir como mais um número em um grande conglomerado capitalista. E poder contar histórias únicas e interessantes é parte chave desta equação. Outro fator que mudou tudo foi o crescimento da geração de influenciadores digitais.

 

A importância dos influenciadores digitais para o storytelling:

Ao contrário do que se possa imaginar, “pensar pequeno” não é o oposto de “pensar grande”. Em tempos de consumo consciente e valorização das pequenas marcas, é mais valioso para o seu negócio ter o influenciador certo contando a sua história. O consumidor que gosta de exclusividade quer saber quem está fazendo o produto que ele está consumindo, se é alguém que compactua dos mesmos valores, se está preocupado com o mundo e com o futuro da mesma forma, enfim, para onde está indo o dinheiro dele.

como viralizamos

 

Storytelling: a era do boca a boca

Jovens consumidores procuram por histórias que pareçam verdadeiras e autênticas nas marcas que consomem. Eles querem sentir que estão consumindo de outro ser humano e não de uma logomarca sem identidade. Jovens tem se apegado cada vez mais à marcas que os ajudem a construir as suas identidades na vida, que compartilhem dos seus valores e dão preferências às marcas com as quais eles se importam. A outra vantagem é que a propaganda acaba sendo feita no método mais tradicional e mais eficiente: o “boca a boca”, que agora ganhou um importante aliado: as redes sociais. Os jovens não se acanham na hora de falar sobre as marcas de que gostam nas redes sociais, ajudando a construir confiança na marca.

 

O Storytelling funciona! E também outras 9 dicas para o seu marketing de conteúdo se destacar.

Como pequenas marcas podem usar storytelling para crescer:

Algumas atitudes ajudam pequenas marcas a se destacarem na multidão:

  • Originalidade: compartilhar a verdadeira história da sua marca
  • Feito à mão: pequenas marcas podem se concentrar em fazer uma coisa só mas fazê-la bem, de modo que a qualidade seja sempre de primeira.
  • Narrativa: conte a história que está acontecendo por trás da marca, explore os bastidores, seja dos seus fundadores, funcionários ou clientes.
  • Orgulho local: de que forma a sua marca se relaciona com a cultura da comunidade em que ela está inserida?

Em resumo, as marcas precisam entender que não estamos mais na época do consumo desenfreado e sim na era do consumo consciente, e que essa é uma grande vantagem! Se o consumidor atual quer, ao consumir o seu produto, te ajudar a construir a sua história, deixe. Traga o seu consumidor para dentro da sua história e ganhe embaixadores da sua marca e não somente clientes.

Compartilhe: